Bancos liberam crédito de até R$ 20 mil para MEIs. Veja condições e saiba como contratar

Com os recursos, os microempreendedores podem pagar contas, salários de funcionários, dívidas com fornecedores e investir na compras de equipamentos.

Para injetar dinheiro na economia, por causa da crise econômica causada pela pandemia de covid-19, o governo federal, em parceria com vários bancos, criou linhas de crédito para atender a necessidade de Microempreendedores Individuais (MEIs). As opções prometem oferecer taxas de juros mais baixas e com maior prazo para pagamento. Com a liberação de recursos, os microempreendedores podem pagar contas, salários de funcionários, dívidas com fornecedores, além poderem investir na compras de equipamentos. Confira a seguir as linhas de crédito para MEI oferecidas pela Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Santander e Itaú. Empréstimo Banco do Brasil e Caixa Com a aprovação do Senado Federal, o BB e a Caixa realizam empréstimos para os pequenos empresários, no valor limite de até metade do que a empresa lucrou em 2019. Um exemplo é o caso da empresa ter obtido o rendimento de R$ 30 mil no ano passado, então o limite do crédito liberado será de R$ 15 mil. De acordo com projeto do Senado, as taxas de juros serão de até 03% ao mês. Além disso, o prazo para quitar a dívida será de até três anos, com carência de 180 dias para início das cobranças. Para saber mais, conheça o Microcrédito Produtivo da Caixa pelo site do banco. Ou também visite o site do BB e veja a opção do banco. Mais crédito Santander Durante a crise sanitária, o Santander aumentou em até 10% o limite do cartão de crédito dos clientes. O banco também passou a oferecer... Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!