Bancos liberam empréstimos sem burocracia para MEI durante a pandemia

Confira as linhas de crédito oferecidas pela Caixa, Banco do Brasil, Itaú e Santander para pequenos negócios.

Por causa da crise econômica causada pela pandemia de covid-19, para injetar dinheiro na economia, o governo federal, em parceria com diversos bancos, criou linhas de crédito para atender a demanda de Microempreendedores Individuais (MEIs). As opções possuem taxas de juros mais baixas e oferecem maior prazo para pagamento. Com os recursos, os microempreendedores poderão pagar contas, salários de funcionários, dívidas com fornecedores, além investir na compras de equipamentos. Veja abaixo as linhas de crédito oferecidas pela Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Itaú e Santander. Empréstimo Caixa e Banco do Brasil A Caixa e o BB, com a aprovação do Senado Federal, realizam empréstimos para os pequenos empresários, no valor limite de até metade do que a empresa lucrou em 2019. Um exemplo é o caso da empresa ter obtido o rendimento de R$ 50 mil, então o limite do empréstimo será de R$ 25 mil. De acordo com projeto do Senado, as taxas de juros serão de 7,5% ao ano e 03% ao mês. Além disso, o prazo para quitar a dívida será de até três anos, com carência de 180 dias para início das cobranças. Microcrédito Itaú Já o Itaú, maior banco privado da América Latina, oferece microcrédito aos microempreendedores individuais que são seus correntistas. Aqueles que optarem pelo serviço poderão pagar com taxas de juros de até 3,79% ao mês no prazo de até 15 meses. Os valores do empréstimo ficam entre R$ 400 e R$ 20.300. Para pedir, é... Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!