IPOs, Bitcoin e mercados emergentes: as estratégias especulativas de Wall Street
Ver mais sobre: Notícias

IPOs, Bitcoin e mercados emergentes: as estratégias especulativas de Wall Street

O espírito animal corre solto em Wall Street, mas a análise dos números mostra que o mercado altista deste ano está ainda mais eufórico do que parece. As ações globais agora valem cerca de US$ 100 trilhões. Empresas dos Estados Unidos levantaram um recorde de US$ 175 bilhões em ofertas públicas iniciais de ações. Cerca [...]

Enquanto o coronavírus se propaga, o ciclo econômico ainda respira com a ajuda de aparelhos, e empresas são afetadas por novas restrições de mobilidade(Imagem: REUTERS/Brendan McDermid) O espírito animal corre solto em Wall Street, mas a análise dos números mostra que o mercado altista deste ano está ainda mais eufórico do que parece. As ações globais agora valem cerca de US$ 100 trilhões. Empresas dos Estados Unidos levantaram um recorde de US$ 175 bilhões em ofertas públicas iniciais de ações. Cerca de US$ 3 trilhões em títulos corporativos são negociados com rendimento negativo. Enquanto o coronavírus se propaga, o ciclo econômico ainda respira com a ajuda de aparelhos, e empresas são afetadas por novas restrições de mobilidade. Animados por infinitos estímulos monetários e apostas em um mundo pós-pandemia, traders novatos e investidores institucionais veteranos aproveitam as condições financeiras mais frouxas da história. (Imagem: Bloomberg) “Indicadores de sentimento caminham em direção à euforia”, disse Cedric Ozazman, diretor de investimentos da Reyl & Cie, em Genebra. “As pessoas agora investem em meio ao temor de perder o rali do Papai Noel.” Onda de IPOs Nada evoca um pico do mercado acionário como a corrida às bolsas. Estreias como as ofertas públicas iniciais da Snowflake e do Airbnb elevaram o volume de IPOs deste ano para um recorde de US$ 175 bilhões nos Estados Unidos, segundo dados... Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!