Mineração Taboca obtém registro de segurança diante de pandemia
Ver mais sobre: Notícias

Mineração Taboca obtém registro de segurança diante de pandemia

A Mineração Taboca, grande produtora de estanho no Brasil, buscou e recebeu a certificação de "Ambiente Seguro e Saudável" de trabalho em meio à pandemia de Covid-19, informou a empresa nesta terça-feira, após passar um mês com produção paralisada para adaptar suas instalações e sofrer impactos operacionais em decorrência da crise. A companhia, que pertence [...]

Segundo comunicado da Mineração Taboca, foram investidos 23 milhões de reais em melhorias para obtenção do registro (Imagem: Pixabay) A Mineração Taboca, grande produtora de estanho no Brasil, buscou e recebeu a certificação de “Ambiente Seguro e Saudável” de trabalho em meio à pandemia de Covid-19, informou a empresa nesta terça-feira, após passar um mês com produção paralisada para adaptar suas instalações e sofrer impactos operacionais em decorrência da crise. A companhia, que pertence ao grupo peruano Minsur e também produz ferro-ligas de nióbio e tântalo, obteve a certificação A2S emitida pela Fundação Vanzolini, e acredita que tem nela um “seguro” para enfrentar o repique da pandemia e o ano de 2021, previsto pela empresa como “difícil” em função das incertezas relacionadas à doença e à recuperação global. Segundo comunicado da Mineração Taboca, foram investidos 23 milhões de reais em melhorias para obtenção do registro, que vale por três anos e é renovado anualmente. Antes das mudanças, a empresa havia registrado uma morte e duas internações por Covid-19 em seu quadro de funcionários. Os efeitos da pandemia de coronavírus, somados à paralisação para alterações nos ambientes de trabalho, acarretaram quedas de produção e faturamento para a mineradora, embora parte dos impactos tenha sido amenizada pela variação cambial. Os efeitos da pandemia de coronavírus, somados à paralisação para... Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!