Minério de ferro na China tem dia volátil por temor sobre oferta

Os futuros do minério de ferro na China avançaram após uma sessão volátil nesta terça-feira, apoiados por persistentes preocupações com a oferta do material usado na fabricação do aço e com fortes dados sobre a produção industrial chinesa. O contrato mais ativo do minério de ferro na bolsa chinesa de Dalian, para maio, encerrou com [...]

Os embarques de minério de ferro da Austrália e do Brasil recuaram pela segunda semana em 1 milhão de toneladas (Imagem: Pixabay) Os futuros do minério de ferro na China avançaram após uma sessão volátil nesta terça-feira, apoiados por persistentes preocupações com a oferta do material usado na fabricação do aço e com fortes dados sobre a produção industrial chinesa. O contrato mais ativo do minério de ferro na bolsa chinesa de Dalian, para maio, encerrou com alta de 1,5%, a 994 iuanes (151,66 dólares) por tonelada, após ter chegado a superar a marca de 1.000 iuanes durante a sessão. A marca havia sido atingida antes na sexta-feira. Na bolsa de Cingapura, o minério de ferro também reverteu perdas iniciais e subia no meio da sessão. Os embarques de minério de ferro da Austrália e do Brasil recuaram pela segunda semana entre 7 e 13 de dezembro, em 1 milhão de toneladas, ou 4,7%, para 22,7 milhões de toneladas, segundo a consultoria Mysteel. O menor fluxo soma-se a preocupações com uma constante redução nos estoques de minério de ferro nos portos chineses, que caíram para 125,85 milhões de toneladas na semana passada, o menor nível desde meados de outubro, segundo a consultoria SteelHome. E, embora a produção de aço da China tenha caído pelo terceiro mês consecutivo em novembro, houve alta na produção de produtos acabados no segundo semestre, em meio a fortes estímulos à demanda. Além disso, a produção industrial... Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!