Seguimos comprometidos com teto de gastos, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira que o governo segue comprometido com teto de gastos como âncora de sustentabilidade fiscal e credibilidade econômica. Ao participar do lançamento de relatório da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre o Brasil, ele afirmou que o governo tampouco deixará que medidas temporárias relacionadas a [...]

Guedes afirmou que o governo tampouco deixará que medidas temporárias relacionadas a este ano, por conta da crise do coronavírus (Imagem: REUTERS/Ueslei Marcelino) O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira que o governo segue comprometido com teto de gastos como âncora de sustentabilidade fiscal e credibilidade econômica. Ao participar do lançamento de relatório da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre o Brasil, ele afirmou que o governo tampouco deixará que medidas temporárias relacionadas a este ano, por conta da crise do coronavírus, se tornem despesas permanentes. Nesse contexto, o ministro ressaltou que do fim do ano em diante o país voltará aos programas sociais antes existentes, após o término do auxílio emergencial. Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!