Ultrapassou o limite de arquivos do Drive e Fotos? Então corra porque a Google vai excluir em breve

Empresa anunciou que vai enviar vários alertas antes de deletar qualquer conteúdo.

Usuários do Gmail, Google Fotos e Drive podem ter deletados seus arquivos que ultrapassarem o limite de armazenamento disponibilizado de forma gratuita pela Google. A mudança já havia sido informada pela empresa em um comunicado, mas passou a ser enviada por e-mail para seus clientes. A Google modificou suas regras de utilização da nuvem e agora tem mais poder para excluir arquivos em alguns casos. Além do e-mail enviado para os usuários e do anúncio feito mais cedo, a empresa vai enviar vários alertas antes de deletar qualquer conteúdo. O documento enviado informa que aqueles que armazenarem conteúdo gratuito além do permitido poderão ter seus arquivos excluídos a partir do dia 1° de junho de 2021. Contas inativas por período superior a 24 meses estão sujeitas ao mesmo processo. A alteração também inclui documentos do Google Docs, Sheets, Slides, Drawnings, Forms e aquivos do Jamboard. Mudança no backup do Google Fotos Outra alteração divulgada pela empresa é o fim do backup gratuito no Google Fotos, que também tem como prazo limite o dia 1º de junho de 2021. Até o final de maio do próximo ano, será possível salvar fotos e vídeos normalmente. Contudo, após esse período, o usuário terá um limite de 15 GB gratuitos para enviar conteúdo à nuvem do Google Fotos, mesmo volume atualmente disponível pelo Gmail e Drive. Para saber quanto você ainda possui de espaço livre na nuvem da Google usando seu celular, clique no aplicativo do Google... Acessar conteúdo completo

Receba nossas novidades em seu e-mail!