FGTS Emergencial: R$7,9 bilhões retornam neta segunda-feira para conta dos trabalhadores

Os trabalhadores, caso desejem, ainda podem tem direito ao saque, de até R$ 1.045, levando em conta a soma dos saldos de suas contas ativas e inativados do FGTS

FGTS Emergencial: R$7,9 bilhões retornam neta segunda-feira para conta dos trabalhadores

 

O balanço feito pela Caixa Econômica Federal confirmou que, na segunda-feira, 30 de novembro, um total de R$ 7,9 bilhões do saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), criado durante a pandemia do novo corona vírus, de até R$1.040, creditado nas contas Poupança Social Digital e que não foi movimentado, serão devolvidos para as contas vinculadas dos trabalhadores, apropriadamente corrigidos.

Para ter acesso ao saque emergencial, os trabalhadores devem solicitar pelo aplicativo próprio do FGTS, entre os dias 7 e 31 de dezembro, para que a Caixa Econômica transfira mais uma vez o valor a ser sacado para a conta digital.

De acordo com informações do banco, o trabalhador que ainda não realizou o saque e ainda quer ter acesso ao dinheiro, deve, através do aplicativo FGTS, complementar seus dados de cadastro e requerer o saque dos valores que serão creditados na Conta Poupança Social Digital, recebendo as informações do valor e do dia do crédito logo em seguida.

Liberados os saques de até R$1.045 do FGTS emergencial

Ao total são 12 os pagamentos do FGTS, na categoria emergencial, liberados para saques durante o período pandêmico. Os trabalhadores que usufruíram da modalidade tiveram, num primeiro momento, o valor liberado na Conta Poupança Digital da Caixa. As liberações destes ocorreram para os de nascidos de janeiro a dezembro. Ele pode ser usado em pagamento de boletos ou compras através do cartão de débito virtual e QR code.

Veja mais sobre:

Economia Notícias
FGTS Emergencial: R$7,9 bilhões retornam neta segunda-feira para conta dos trabalhadores
Solicitar Empréstimo

Receba nossas novidades em seu e-mail!