Governo analisa liberar empréstimo de até R$ 1.000 para beneficiários do bolsa família após termino do Auxilio Emergencial

As discussões estão em estágio avançado, porém há preocupações que consumo imediato pode aumentar número de inadimplências.

Governo analisa liberar empréstimo de até R$ 1.000 para beneficiários do bolsa família após termino do Auxilio Emergencial

O governo federal está estudando a possibilidade de liberar um microcrédito entre R$ 500 e R$ 1.000 para os beneficiários do programa Bolsa Família após o término do auxílio emergencial cuja vigência irá terminar no final deste mês..

Nesse momento, o governo procura definir a origem dos recursos para a liberação de tal empréstimo que poderá sair da União ou até da Caixa Econômica Federal. Caso o governo realmente opte por direcionar os recursos do orçamento para o programa, ´´é provável que o fundo seja estruturado como no Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe).

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni , que também é o gestor do programa, afirmou que as discussões sobre o microcrédito estão em um estágio avançado, mas disse também que é necessário que a medida seja analisada com muito cuidado para que o microcrédito seja usado de maneira consciente e que não se torne algo que levará somente ao consumo imediato. Nas palavras dele:

“Se todos os beneficiários do Bolsa Família receberem esse crédito automaticamente, sem ter acesso aos cursos de educação financeira e aos conceitos do microcrédito, isso se torna um crédito direto ao consumidor. E isso leva a uma inadimplência maior. Essa é uma modalidade de crédito consciente”,

Veja mais sobre:

Finanças Notícias
Governo analisa liberar empréstimo de até R$ 1.000 para beneficiários do bolsa família após termino do Auxilio Emergencial
Solicitar Empréstimo

Receba nossas novidades em seu e-mail!